terça-feira, 30 de junho de 2009

Sr. Lei com costela de D. Juan


Calor abrasador. Laura dentro do carro, esgazeada de fome. Direcção: shopping mais próximo, para alimentar a criatura e comprar prenda de aniversário da minha mãe, para de seguida a levar à aula de ballet. 40 minutos para executar estas tarefas. Ora o que poderia acontecer para me encanzinar a engrenagem toda? Operação stop, naturalmente, e com polícias acabadinhos de sair da Academia, com as mãozinhas a tremer por preencher o livrinho de autos.

- Os seus documentos e os da viatura, por favor.

- Boa tarde, senhor agente. Concerteza.

(Procuro os documentos dentro da capa que arquiva cartas verdes desde 2002, selos desde 2002, certificados provisórios de seguro desde 2002)

- Está nervosa?

- Não, senhor agente, porque deveria estar? (ai o raio, mas eu tenho cara de criminosa? Só estou a suar em bica, Sr. Eu-estou-fardado-e-eu-prendo-pessoas-se-me-apetecer)

- Sabe que há um sítio chamado arquivo geral, onde se deve depositar papeis que já não estão em uso. (faz aquela cara paternalista, de quem: vá, procura, tansa, que eu aguardo)

- Sim, por acaso sei. Mas não tenho tido tempo...(um bófia com a mania que é forinha e cheio da piada, sim senhora, não me podia faltar mais nada...)

- Não me acredito que em 7 anos não tenha tido tempo de limpar essa capa... (espera aí, que tu hás-de ter muito a ver com o que eu faço com o meu tempo...)

- Acredite, Sr. Agente, se tivesse a minha vida, ia pedir para me dar! Muito trabalho, muito trabalho...(entrego-lhe os documentos, ciente que ia ser multada, uma vez que a morada da carta de condução não coincide com a da carta verde)

- Pois então diga-me lá a sua morada.

- Qual delas quer, Sr. Agente? A verdadeira, ou a falsa? É que mudei de casa há 6 meses, e ainda não tive tempo de ir actualizar a carta de condução. (Tanga, naturalmente, já saí de casa dos meus pais há 8 anos)

- E mora onde mesmo?

- Em ___.

- Ah, ali à beira da avenida principal?

- Sim, exacto, aliás só existe mesmo essa avenida, não existe mais nenhuma...

- E costuma ir ao café ___?

- Não, não.

- Mora naqueles prédios cor de tijolo, mesmo junto a___? (e de que forma contribui isso para a multa que vais passar, palhaço???)

- Sim, moro.

- Eu vou muito para esses lados. (Sim, e...que é que isso me interessa, escaravelho?)

A este momento, a Laura começa a dizer que vai morrer, que já sente a barriga a fazer barulho, com aquele ar de quem vai desfalecer a qualquer instante, e eu com vontade de lhe dizer que a culpa era toda do energúmeno que, a esta altura, já estava pendurado na janela.

- Sr. Agente, se tiver que me autuar, ia pedir-lhe que o fizesse, porque a minha filha está cheia de fome...(desaparece, mas é, besouro!)

- Desta vez, passa. Mas olhe que estarei aqui novamente dentro em breve, e se não tiver regularizado a situação, vou ter que tomar medidas...

- Muito obrigada pela atenção.



E zarpei dali. Antes que a Laura se lembrasse de lhe perguntar o que normalmente pergunta ao carteiro, ao Sr. do condomínio e ao distribuidor da pizza:

- Tens namorada?

29 comentários:

ML disse...

Ahahahahah :) Ri do início ao fim com este post!

DIABINHOSFORA disse...

Haahah, já me fartei de rir a imaginar a cara do pseudo-benevolente-engatatão...que cena!

Miepeee disse...

Ahahahahahahah
Estas tramada ele vai fazer-te uma espera.
Beijinho.

korrosiva disse...

heheheh a tua filha costuma tentar arranjar-te namorado???

Loooooooool

beijinhoss ;)

Casemiro dos Plásticos disse...

ahahahahahahhaha
dialogo genial!

Bloguótico disse...

LOOOL...

Falta de timing, da Laura... deveria ter interrompido a conversa! :D

Marta disse...

Lindo, lindo, lindo!!! =)
Ao menos esse espécime era alguma coisa de jeito?! Se ao menos fosse bonitinho sempre dava para lavar a vista!

Sopa de Letras disse...

eheheheeh, o que me ri com isto !!!!
qq dia aparece para tomar café contigo !!
lol

Solita disse...

Oh XS, estaria o escaravelho interessadO???


Hehehehehh!!!

Ai que engraçado, Beijokas

Libelinha disse...

Bem, agora entendo porque é que o senhor lei ficou a olhar meio parvinho para a minha carta de condução e para o Cartão Único (que fiz recentemente e já com a morada nova)... Eu também ainda não troquei a morada da carta de condução... Nem sabia, hehehe!...
Mas esse vai te fazer uma espera no cafézito, hehehe!...

Beijinhos ;p

★ Aralis ★ disse...

LOLOLOL

Boa, ao menos não te prendeu...lololol

Que coisa mais linda!
Estes meninos da lei.
Pior é qd as crianças se lembram de qd tu dizes uma petazita eles dizerem em alto e bom som, não é nada disso mamã!

:S

Jokitas

Su* disse...

Tu realmente tens momentos de escrita ... brilhantes :P

Tixa disse...

hum... mas que safado o sr agente... e depois ainda dizem que devemos confiar nas autoridades!!! Pois está claro!


* beijocas

Laidita disse...

A Laura é casamenteira :D

Smootha disse...

LOL
Essa tua filha... Vai lá, vai!

Algodão Doce disse...

Muito engraçado o post!!!
Aos menos apareceu-te um policia simpatico e com a mania de gala, e não um daqueles velhos mal humorados!!
Gostei muito do blog

Izzie disse...

E afinal era jeitoso ou não???
é que no outro dia estacionei onde não devia, na minha inocência! E qd voltei ao carro lá estava um papelinho daqueles jeitosos para limpar... adiante!!
Liguei à mae, toda indignada e eis que ela se lembra que "ah e tal, ha aqui um policia amigo do pai, pode ser que ele trate disto!!"
Bem, o homem era de morrer. Moreno até não poder mais. corpinha no ponto. nem musculado demais, nem de menos, ali...na moche! Olhinhos verdes e pronto... só lixou tudo saber que já é casado e tem uma filha... enfim! apanha se cada desilusão:)

inwhitelight disse...

LOL
Tu és de mais quando escreves :)
Eu nunca fui mandada parar por um Sr. Lei, sei que a situação nos leva a ser extremamente simpáticas mas com essas perguntas todas dava mesmo vontade de dizer: E o que é que tu tens a ver com isso?
Agora vê lá se mudas a morada, não vá o D.Juan ter memorizado a tua matrícula e andar a rondar...
Já agora a Laura não podia andar com uma pergunta melhor n cabeça: Tens namorada? LOLOL

Inês Brito disse...

Adorei o post. Já estava com saudades de passar por estes lados. A Laura tem espírito casamenteiro. Eu começava a ter cuidado quando saisse à rua. E dito individuo ainda se lembra de vir reclamar alguma coisa e levas por tabela. xD


Bj,
(i)

Noc@s disse...

Prepara-te para quando ele te vir lá na rua e fizer pssst!!!! Fiu, Fiu LOL
Jocas engatatonas ;-)
P.S. Mas ao menos o sr. Lei era alguma coisa de jeito!??!?!? ;-)

reideespadas disse...

Bem pelo menos poupas te os 60 euros.
quanto á atitude do colega .... não comento lol.

carlostgc disse...

Olááááá

Sempre bons post's para animar a malta... em grande !!!

Girstie disse...

Tudo te acontece.

Cá para mim ele vai muito para os teus lados ter com a dita namorada.
Que conversa anormal.

Graça Pereira disse...

Já me aconteceui igual... em Moçambique! conto no meu blog. Afinal, "eles" são iguais em todo o lado...olha que realmente!! Graça

Tio do Algarve disse...

LOL esse Mr. Plod era abusador...Olha e cuidado com a tua filha, perspicácia não lhe falta, percebeu logo a intenção do tipo...
Será que esses comportamentos se vão estender às mulheres polícia? Há dias fui ao lado de uma num comboio e até que...Enfim.

disse...

Adorei. De facto eles sabem ser tão inconvenientes, irritadiços e aparecem sempre nas alturas erradas!

ESMERALDA disse...

lol Aquele Sr. Agente estava-te a tentar "fazer a folha"... lol Cuidado, aind te vai fazer uma espera lol

Este Blogue precisa de um nome disse...

Adorei o post...delicioso!!! E muito bem escrito...vim aqui ter pela Rádio Comercial! Ganhaste mais uma leitora, beijo!!!

Alguém disse...

LOOOOL Tenho a dizer que ao ler estava mesma a imaginar a situação! E a tua filha é do melhor que há! ehehe

beijinho