segunda-feira, 15 de junho de 2009

Não tenho muita, não tenho muita, não tenho muita. Tá? Tá.


Ultimamente, tenho andado com um pequeno grande problema. De manhã é sempre o mesmo dilema: não tenho nada para vestir... E quando digo nada, é nada mesmo. Aliás, gaja que é gaja sabe muito bem qual é a sensação de abrir o armário, percorrer com os olhos os cabides com a roupa pendurada e verificar que não tem nada para vestir.

As calças que outrora fizeram sensação já não sabem ao mesmo. A camisola que assentava impecavelmente em tempos, agora já não tem o mesmo efeito. Em suma, cada peça que lá está guardada não faz o mínimo sentido neste momento histórico da minha existência. Ou seja, não tenho NADA para vestir.

Tentando minimizar os efeitos que um mau modelito pode causar na minha reputação, fui tentar comprar qualquer coisita que me alegrasse o espírito. Escolho uma saia comprida até aos pés, daquelas super fashion, rodada, às cores e dirijo-me ao provador para experimentar. Dispo as minhas calças e preparo-me para içar uma perna para dentro da saia, e... PÁRA TUDO: quando, de repente, olho de soslaio para o espelho, estarreço. Era a maior concentração de celulite por centímetro quadrado alguma vez vista num rabo de mulher.

Passa-me tudo pela cabecinha: escaqueirar os espelhos do provador um a um, deixar aquela loja em frangalhos... Mas tudo o que fiz foi comprar a porcaria da saia, que sempre era até aos pés, e por isso as misérias estavam escondidas. Saí da loja com o ego a lamber o chão e mais tesa ainda.

Em desepero de causa, entro noutra loja, disposta a comprar umas calças de ganga, bem escurinhas, bem discretinhas, bem tapadinhas. E lá fui eu para o provador, triste como a noite, a sentir-me a maior magra obesa da história da humanidade. Ao despir as minhas calças, esforçava-me por olhar para o chão, mas o chamamento era forte. É que parece que quanto mais levamos na trombeta, mais nos esticamos para dar as fuças ao murro. E foi quando estava prestes a ter um esgotamento que, ao olhar para o espelho, vi que afinal, a coisa era mínima, nada que um cremezito de supermercado e 4387493 aplicações não resolvam.

E percebi a marosca toda. Portanto, criaturas vis da loja ao lado, peguem em vocês e nas luzes maradas do raio dos vossos provadores, e.... Pronto. Como sou magnânime, vou abster-me de fazer sugestões.

29 comentários:

Moks disse...

e que bem que a saia fica...
beijo

Girstie disse...

Hás-de dizer qual é a loja para n ir lá :D

reideespadas disse...

As mulheres e a roupa.....enfim!

Ana GG disse...

Os teus "relatos do quotidiano" continuam imperdíveis!


PS. A parte da celulite não me apetece comentar...
;)

korrosiva disse...

NUNCA se deve olhar para o rabo dentro de um provador!



NUNCAAAAA!!!!!!!!



beijinhosss ;)

Intrometido disse...

Já dizia a outra: "espelho meu ... espelho meu ....há alguém com mais celulite que eu?"
;)

Miepeee disse...

Deviam retirar os espelhos dos provadores, a malta vestia e depois vinha ca fora ver como ficava.

Marta disse...

Por oposição, ontem dei-me conta que os espelhos dos provadores da H&M fazem-nos mais magras!!! Ontem fui experimentar umas calças de ganga e qual não foi o meu espanto quando (milagre dos milagres!) as calças faziam o meu (gigante) rabo parecer mais pequeno! Estava quase, quase decidida a comprar as calças... Quando vesti as que trazia de casa é que me apercebi...que naquele espelho, também aquelas calças me faziam parecer mais magra! É uma boa estratégia! Espertos os gajos!

RUBEN E ANA disse...

ADORO!... ROupinhaaaa, SEMPRE!

--

Se quiseres visita o meu blog: http://bubalopinhascasamento.blogspot.com - tens o selo de confiança á tua espera pra colocares no teu blog se quiseres :)

sweetie disse...

Eu sou magra e nos espelhos da Zara pareço uma gorda de 100kg! É uma maldade!

Angelo Sá disse...

a culpa é sempre dos espelhos :)

www.captiveofmynegativity.blogspot.com

Xana disse...

menina , eu já deixei de olhar para a celulite há muito tempo, ela roubava a minha alegria e isso eu não deixo ;)
beijos meus

inwhitelight disse...

Aconteceu-me isso hoje, credo! Eu engordei bastante (15kg sem exagero em quase 2 anos) o que dá em não ter mesmo nada para vestir, aliás posso dizer que tenho 2 pares de calças a servir-me e que quando umas estão a lavar ando sempre com as outras até trocar.
Hoje numa loja em busca de umas calças de jeito dei por mim a olhar para a celulite...
ainda bem que a culpa é do espelho, a minha auto estima já estava de rastos!

Catwoman disse...

Ehehehehhe não sabia que os espelhos podiam fazer celulite :) está explicado porque é que ás vezes parece que tenho mais loool

Beijinhos :)

Piloto Automatico disse...

Sempre tive a paranóia de que alguém está a espreitar nos provadores... e hoje em dia, se os usasse, iria de certeza lembrar-me de quanto é fácil instalar uma webcam minuscula em qualquer lugar...
Felizmente eu pego na roupa que gosto, seja lá o que for, escolho o meu número e compro sem precisar de experimentar.

Beijos e cremes de aplicar
F

ML disse...

ihihih! já tinha saudades tuas :)

Casemiro dos Plásticos disse...

e fotos disso?!

Melga disse...

Para além do creme barato o importante é a massagem...não há celulite que resista...
Bjo***

DANTE disse...

Bem , como sou gajo...acho que deixar aqui uma frasezita assim que a modos inovadora...lá vai: Mulheres! lolllllllllllllllllllll

Su* disse...

Tenho a acrescentar que .. me parti a rir

=)

O relato dramático de uma mulher acerca da relaçao corpo/roupa/auto-estima é sempre algo a olhar com respeito =P

Tio do Algarve disse...

Olá XS, apetecia-me fazer esse gesto quando me dão um casaco três números acima e umas claças dois números abaixo e depois nos dizem, com o ar mais cândido: Ficam-lhe tão beeeemmmm!
bjs

Ninja! disse...

"Não tenho nada que vestir..." Pffft! Mulheres! :P

João Pedro disse...

Uma pessoa vê aquilo que quer ver, ou seja, o nosso estado de espirito vai influenciar a interpretação que damos ao que vemos. Num dia triste vemos as coisas mais distorcidas, num dia alegre tudo nos parece melhor.
XS, não sei se reparaste quando foste ao autopsia, mas este findou a sua bela aventura. A partir de agora podes encontrar-me em:
http://escritalambida.blogspot.com/

Beijinho,

disse...

Acabei de descobrir o teu blog. Dei uma leitura nos post's mais recentes e gostei ;)
Quanto ao assunto em questão, tenho tantos dias assim e quanto mais cheio está o roupeiro, mas tenho a sensação que não tenho nada...mulheres ;)

Solita disse...

Ah!!!

Então é nos espelhos!!!

Ai que alegria tu me deste XS.



Hehehehe!!!!


Jinhos

ines disse...

eu não tive coragem para me pesar na minha balança habitual , este fim de semana que fui a casa....

cats disse...

esqueceste-te de contar que as calças de ganga que compraste em seguida....
Fazem-te um rabo que MEU DEUS!!!! Chega a ser um atentado ao pudor!!!!
É que até o vendedor não conseguia tirar os olhos de cima de.... TI!! :P
Muito bom!!! TÁ? TÁ!!!! ;)
BEIJOS

Pochinha disse...

Quando não tenho nada que vestir vou "roubar" as roupas que a minha mãe nunca usa! E algumas são bem giras ^^

Parabéns pelo blog, passei por acaso e gostei! Vou lendo =P

André disse...

Mulher sem celulite não é mulher.